AS PANDERISTA TOCAM NO TAMBOR NA PRAÇA

Manu Ranilla e As Pandeirista 3 - Foto L

Lucas Alex

O Tambor na Praça do dia 24 de novembro, domingo, terá uma energia especial. Junto da vibração dos tambores dos blocos Tambor Mineiro e Bloco Saúde, sob a regência de Maurício Tizumba, o evento se tornará ainda mais dançante com a percussão dos pandeiros de 20 mulheres do grupo As Panderista – assim mesmo, sem o s no final, e sem o i, para dar a ideia da oralidade mineira e da diversidade. O projeto é uma roda de pandeiro de mulher, para tocar sem pressa, juntas, respeitando as habilidades e limitações de cada uma. É uma iniciativa inclusiva e acolhedora, pensada pela professora e percussionista Manu Ranilla para contemplar a diversidade do mundo feminino. A apresentação, gratuita, será às 16 horas, na Praça Floriano Peixoto, no bairro Santa Efigênia, em Belo Horizonte.

 

As Pandeirista foi criado para promover o aprimoramento musical e o empoderamento pessoal, aliados ao entretenimento saudável e à ocupação dos espaços públicos na capital mineira. Acabou ganhando projeção e se espalhando por outras cidades de Minas Gerais, além de repercutir também em outros estados e até internacionalmente. Lançado por Manu Ranilla em 2016 em Belo Horizonte, o projeto já realizou mais de 50 encontros, com participação média de 20 mulheres por evento, entre participantes recorrentes, ou que ficaram sabendo pelas redes sociais, e até, simplesmente, passantes naquele local no momento. A troca também tem um lugar importante nos encontros; elas trocam lanche, água, produtos artesanais, experiências e sentimentos.

 

Tambor na Praça

O projeto é liderado por Mauricio Tizumba, que se apresenta ao lado do Bloco Tambor Mineiro e do Bloco Saúde, grupo de percussão formado por médicos cooperados e colaboradores da Unimed-BH, cujo objetivo é levar música para espaços públicos de forma voluntária. Juntos, ocupam as praças de BH e região metropolitana com os tambores do congado mineiro, sempre trazendo um grupo ou artista convidado para compartilhar ritmos e sons.

 

Circuito Instituto Unimed-BH

Criado para estimular o bem-estar e a convivência ao ar livre, o Circuito Instituto Unimed-BH oferece gratuitamente atividades de lazer e socioculturais, em espaços públicos, como a Praça da Saúde e a Praça Floriano Peixoto, em Belo Horizonte, a Praça Milton Campos, em Betim e a Praça da Glória, em Contagem. Em 2018, mais de 35 atrações culturais foram realizadas, prestigiadas por mais de 24 mil pessoas. Conheça a programação em www.circuitoinstitutounimedbh.com.br.

 

Instituto Unimed-BH

Associação sem fins lucrativos, o Instituto Unimed-BH, desde 2003, desenvolve projetos visando ampliar o acesso à cultura, estimular o bem-estar e a qualidade de vida das pessoas, valorizar espaços públicos e o meio ambiente. Como o patrocínio de mais de 5 mil médicos cooperados e colaboradores, no último ano mais de 1,4 milhão de pessoas foram alcançadas por meio de projetos de cinco linhas de atuação: Comunidade, Voluntariado, Meio Ambiente, Adoção de Espaços Públicos e Cultura. Saiba mais em www.institutounimedbh.com.br.

 

 

Tambor na Praça, com Mauricio Tizumba, Bloco Saúde e Bloco Tambor Mineiro

Convidado: As Panderista

Dia 24 de novembro (domingo), 16h, Praça Floriano Peixoto – Santa Efigênia/ BH

Entrada Gratuita

 

Informações para a imprensa: Luz Comunicação

Coordenação: Jozane Faleiro - jozane@luzcomunicacao.com.br - 31 992046367

Atendimento: Janine Horta - imprensa@luzcomunicacao.com.br    31 997434013