Sempre Um Papo recebe o cartunista Miguel Paiva 

Miguel Paiva - credito arquivo pessoal.j

Arquivo Pessoal

O Sempre Um Papo recebe o cartunista, artista gráfico e escritor Miguel Paiva para o debate e o lançamento do livro “Memória do Traço” (Chiado Books). O livro tem texto e edição de Vitor Paiva e retrata a época e a trajetória do artista. O evento será no dia 11 de fevereiro, terça-feira, às 19h30, na sala Juvenal Dias do Palácio das Artes, em Belo Horizonte, com entrada gratuita. A mediação será de Afonso Borges, idealizador do projeto de incentivo à leitura, criado há 34 anos.

Nascido em 1950 no Rio de Janeiro, Miguel Paiva iniciou sua carreira nos anos 60 e, no final da década, publicava no Pasquim, no Correio da Manhã e na revista O Cruzeiro. Morou na Itália por 6 anos, onde colaborou com muitas revistas de quadrinhos da Europa, como Linus, Corriere dei Piccoli e Pardon. De volta ao Brasil, criou a série Happy Days para a IstoÉ, e os personagens Radical Chic, Ed Mort (com Luís Fernando Veríssimo), Gatão da Meia Idade e Chiquinha, publicados no Jornal do Brasil e O Globo, dentre outros. Trabalhou com Ziraldo, escreveu musicais com Zé Rodrix e conviveu com muita gente - de Umberto Eco a Paulo Leminski, de Paulo Freire a Carlos Lacerda, dos Mutantes a Bobby Short. 

Atualmente, desenha, pinta e trabalha como roteirista de cinema e TV. 

 

Serviço:

Sempre Um Papo com Miguel Paiva

Dia 11 de fevereiro , terça-feira, às 19h30, na sala Juvenal Dias do Palácio das Artes – Av. Afonso Pena 1537, Centro, Belo Horizonte. Entrada gratuita.

Informações: 31 32611501 - www.sempreumpapo.com.br

 

Informações para a imprensa:

Jozane Faleiro – 31 992046367 – jozane@sempreumpapo.com.br