Profissionais discutem sobre teatro híbrido, curadoria em artes plásticas, direito autoral na música e acessibilidade na artes 

A jornalista Jozane Faleiro realiza uma série de quatro bate-papos, com profissionais que integram a cadeia cultural, para falarem sobre temas ligados ao teatro, ao direito autoral na música, às artes plásticas e à acessibilidade nas artes. Os encontros acontecem na próxima semana, de 8 a 11 de fevereiro, segunda a quinta-feira, sempre às 20h, no perfil do Instagram @jozanefaleiro , com acesso gratuito. O material gravado em vídeo ficará disponível pelo IGTV no perfil de Jozane Faleiro, que é a mediadora das conversas e também assina a curadoria e produção. “O objetivo é esclarecer ainda mais sobre os assuntos inerentes aos agentes culturais e também ao público em geral, levando em conta a nova realidade imposta pela  pandemia do Covid-19”, diz Jozane Faleiro, que atua há 20 anos no setor de cultura e entretenimento. 

 

O primeiro encontro, na segunda-feira, 8 de fevereiro, às 20h, com o tema “Teatro híbrido - o desafio de duas plateias” é com Tatyana Rubim, idealizadora e coordenadora geral do Festival Teatro Em Movimento e da plataforma online Teatro EmMov Digital. O acesso também pode ser feito pelo perfil da convidada no Instagram @tatyanarubim .

 

Na terça-feira, 9 de fevereiro, às 20h, o tema é “Direito autoral na música - modo de usar” e a  convidada é a advogada Raquel Lemos, sócia fundadora do escritório Lemos Consultoria Ltda. e Art.is Cultural, consultora especializada em contratos e estratégia negocial com sólida experiência em direito autoral, entretenimento, economia criativa e mídias digitais. O bate-papo também pode ser acompanhado pelo perfil da convidada no Instagram @raqglemos . 

 

Na quarta-feira, 10 de fevereiro, às 20h, o tema é “Acessibilidade nas artes”, com Lais Vitral, gestora, produtora, parecerista de projetos culturais e idealizadora e coordenadora geral do projeto Acessa BH – Festival e Seminário, pautados na acessibilidade e no protagonismo da pessoa com deficiência nas artes. O bate-papo também pode ser acompanhado pelo perfil da convidada no Instagram @laisvitral . 

 

Para encerrar, na quinta-feira, 11 de fevereiro, às 20h, o tema é  “Curadoria e produção em artes plásticas”, com o jornalista, crítico de artes visuais, curador de diversas exposições e mestre em Preservação do Patrimônio Cultural, Sérgio Rodrigo Reis. O bate-papo também pode ser acompanhado pelo perfil da convidado no Instagram @sergiorodrigoreis .

 

Os bate-papos são realizados com recursos do Edital  Nº 14/2020, seleção de bolsistas para as áreas artísticas, técnicas e de produção cultural, viabilizados por meio da Lei Aldir Blanc de emergência cultural, via Secretaria de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais - SECULT. 

Biografias 

Jozane Faleiro é proprietária da empresa Luz Comunicação, com forte experiência em assessoria de imprensa na área de cultura e de entretenimento, atuando na divulgação de projetos de dança, teatro, artes plásticas, literatura, cinema e música. É jornalista de formação com experiência em assessoria de comunicação, desde 2001. Possui MBA Internacional em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ocupou cargos de gerência, coordenação e analista de comunicação, além de ter atuado como repórter colaboradora para os jornais O Estado de S.Paulo, Estado de Minas, Correio Brasiliense e revistas VejaBH e Contigo!. 

Tatyana Rubim é idealizadora e coordenadora geral do Festival Teatro Em Movimento e da plataforma online Teatro EmMov Digital. Também é CEO da Rubim Produções, empresa que atua no mercado mineiro como produtora de eventos culturais, corporativos e de ativação. Na produtora, Tatyana assume a diretoria geral, com uma breve interrupção de setembro de 2017 a fevereiro de 2019, quando fora selecionada para a Diretoria Executiva do Theatro Municipal de São Paulo. Como produtora, coordenadora e gestora cultural, já esteve à frente do Fliaraxá, segundo maior festival de literatura do Brasil, durante 5 anos consecutivos, da produtora Nó de Rosa, do Centro Cultural Sesiminas, Centro de Cultura Nansen Araújo, de 19 Centros Culturais do Sesi pelo interior de Minas Gerais, entre outros. É administradora de empresas com especialização em Comércio Exterior (UNA / 1997) e pós-graduação em Marketing (UFMG / 2000). 

Raquel Lemos é advogada pós-graduada em Direito Civil e especializada em Direito Digital e das Telecomunicações pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Consultora especializada em contratos e estratégia negocial com sólida experiência em direito autoral, entretenimento, economia criativa e mídias digitais. Foi professora titular dos Cursos de Pós-graduação Produção Audiovisual - projeto e negócio; Pós Graduação em Animação; Gestão da comunicação em Mídias Digitais; Roteiro de Ficção Audiovisual e Design - branding: estratégias de marcas e Pós Graduação em Governança da Internet. Atualmente é docente no Curso de Pós-graduação em produção audiovisual - projeto e negócio da FAAP.

Lais Vitral é gestora, produtora e parecerista de projetos culturais. Atualmente, coordena e produz, em parceria com a Vitral Bureau Cultural, o projeto Cultura & Cidadania Circula, que realiza diversas atividades culturais (apresentações de artes cênicas, cinema e oficinas culturais) em sete cidades do Campo das Vertentes, sendo também responsável pela curadoria do projeto desde seu início em 2016. Coordenadora de produção do Feed Dog Brasil - Festival Internacional de Documentários de Moda em Belo Horizonte, desde 2018. Idealizadora e coordenadora geral do projeto Acessa BH – Festival e Seminário pautados na acessibilidade e no protagonismo da pessoa com deficiência nas artes. É Bacharel em Turismo (PUC-Minas) e especialista em Gestão do Patrimônio Histórico e Cultural, com ênfase em Gestão de Projetos Culturais (UFMG).

 

Sérgio Rodrigo Reis é Mestre em Preservação do Patrimônio Cultural pelo Centro Cultural Lúcio Costa do IPHAN, graduado em Jornalismo, pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1996); em Artes Plásticas, pela Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) e Pós-Graduação em Estudos Diplomáticos, pelo Centro de Direito Internacional da Faculdade Milton Campos (2010). Atualmente, é Presidente da Empresa Mineira de Comunicação (Rede Minas e Rádio Inconfidência). Ao longo da carreira, desenvolveu vasto trabalho na gestão de museus (foi diretor do Museu de Arte da Pampulha e Museu de Congonhas) e realizou dezenas de curadorias de exposições importantes no Brasil. Foi, ainda, durante mais de 20 anos, crítico de artes visuais do Jornal Estado de Minas.

 

 

Informações para a imprensa:

Luz Comunicação - Jozane Faleiro - 31 992046367 / jozane@luzcomunicacao.com.br